16/07/2021 às 19h26min - Atualizada em 16/07/2021 às 20h20min

Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina investe em gestão de dados para monitoramento do turismo local

Discussões para auxiliar no setor de eventos também já estão sendo realizadas

DINO
https://www.vilaencantada.com.br/


A Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur) inaugurou, há pouco tempo, a Central de Inteligência do Turismo. O objetivo é dar suporte tecnológico e técnico para a realização de monitoramento, coleta e análise de indicadores do turismo em Santa Catarina. O investimento busca ajudar também na tomada de decisões e na criação de políticas públicas eficientes para o desenvolvimento do setor. O turismo catarinense, inclusive, já recebeu prêmios, dando visibilidade aos lugares para conhecer em SC.

O lançamento do Almanach, em 2020, foi um dos primeiros passos para a criação da central. O Almanach é uma espécie de painel com dados sobre o turismo em Santa Catarina, com informações como empregos criados, arrecadação de ICMS, empresas de turismo, dentre outras. As informações coletadas são de fontes oficiais, como ministérios do Turismo e Educação, Secretaria Especial do Trabalho, Secretaria de Estado da Fazenda, Junta Comercial do Estado, entre outros.

Outras informações também serão inseridas, mas aos poucos. Alguns exemplos são a movimentação em aeroportos, parques temáticos e fronteiras; previsão do tempo; consumo de energia elétrica e água; gastos efetuados, entre outros.

O presidente da Santur, Leandro Ferrari, aponta que, após a chegada dos dados, eles precisam ser analisados e interligados para que a informação criada seja trabalhada e transformada em conhecimento. Para isso, uma estrutura em Florianópolis, sede do órgão, foi inaugurada. "Pela primeira vez temos estrutura para analisar e gerir dados. Uma estrutura participativa, criada para integrar cada vez mais o trade, as entidades representativas do turismo e os gestores públicos. Esse espaço dentro da Santur é mais um passo para consolidarmos um modelo de gestão baseado em dados, o que é fundamental para fortalecer os destinos turísticos e alcançar melhores resultados", comenta o presidente.

A Central de Inteligência vai unir o trabalho feito pelo Observatório de Turismo de SC e pela Rede de Inteligência do Turismo, formada pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), pela própria Santur, pela Federação Catarinense de Municípios (FECAM) e pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio-SC). Além disso, também fazem parte desse grupo o trade turístico, instituições de educação e outras.

É importante ressaltar que, apesar da baixa econômica do turismo em comparação aos anos anteriores, Santa Catarina ainda reserva lugares para a visitação durante a pandemia da Covid-19. Esses lugares, como a cidade de Pomerode e a Vila Encantada, um parque temático de dinossauros, permitem que os turistas fujam de aglomerações, sendo opções para viagens em família.
Primeiro evento-teste em Santa Catarina

Além de oferecer detalhes sobre o turismo em Santa Catarina, a Santur ainda informa que foram realizados debates sobre o primeiro evento-teste no estado, com o objetivo de retomar o setor de eventos com os cuidados necessários.

As discussões sobre o assunto foram feitas no dia 02 de julho, contando com a participação do Grupo de Trabalho (GT), constituído pela Santur, pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) e representantes do segmento. A apresentação da Camerata Florianópolis vai ser feita no mês de julho, no Teatro Ademir Rosa, levando em consideração as medidas sanitárias exigidas contra a pandemia da Covid-19.



Website: https://www.vilaencantada.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp