25/08/2021 às 18h01min - Atualizada em 26/08/2021 às 10h20min

Atividades do dia a dia facilitam o processo das habilidades funcionais de crianças autistas

Se ensinadas e estimuladas o quanto antes é possível que elas consigam desenvolver independência e autonomia ao longo de suas vidas

DINO
http://www.abacare.com.br/


As habilidades funcionais são aquelas caracterizadas fundamentais para compor o dia a dia, como tomar banho, escovar os dentes e se alimentar. Em crianças com transtorno do espectro autista (TEA), essas habilidades podem ser um grande desafio, por isso, devem ser ensinadas e estimuladas o quanto antes, para que, assim, elas consigam desenvolver independência e autonomia ao longo de suas vidas.

A Profa. Dra. Giovana Escobal, diretora do Instituto ABAcare, relata que é possível facilitar esse processo de aprendizagem. "Antes é necessário se certificar de que a a criança já tenha a cúspide comportamental conhecida como "imitação generalizada", diz.

Segundo o Prof. Dr. Celso Goyos, a imitação generalizada "refere-se à capacidade da criança de, após aprender diretamente um número variável de exemplares de imitação, imitar muitos outros modelos visuais que lhe são apresentados, desde que compatíveis com o seu desenvolvimento motor, sem que haja nenhuma instrução específica para isso. Cada criança tem seu próprio ritmo", explica.

A especialista em análise do comportamento aplicada ao autismo esclarece que após a observação é preciso identificar o que a criança sabe e o que ela ainda precisa aprender. Com base nesse repertório é elaborado um plano de ensino que deve ser seguido não somente em clínica ou instituição, mas também em casa e nos demais ambientes que a criança frequenta", ressalta.

"O desenvolvimento e evolução do ensino podem ocorrer naturalmente. Quando não ocorrem naturalmente, é necessário programar. Por exemplo, ao acordar a criança deve ser estimulada a escovar os dentes, vestir-se e tomar o café da manhã. Já para as habilidades específicas, como a alfabetização é preciso reservar momentos diários para ensino e treino", conclui a Dra. Profa. Dra. Giovana Escobal.

Ribeirão Preto possui um instituto referência em terapia ABA para pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA), o ABAcare. A organização oferece apoio para pacientes com atrasos no desenvolvimento intelectual, de linguagem, e também capacitação e consultoria para as pessoas envolvidas com esse público.

O Instituto está instalado na Av. Carlos Consoni, 791, no bairro Jardim Canadá em Ribeirão Preto.

Mais informações sobre acompanhamentos, cursos e consultorias podem ser encontradas por meio do Facebook e Instagram @institutoabacare.



Website: http://www.abacare.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp