05/10/2021 às 12h05min - Atualizada em 06/10/2021 às 00h20min

O que está em alta para projetos de interiores

A arquiteta Cristina Campos comenta sobre tendências na decoração de ambientes residenciais.

DINO
https://www.claassen.com.br


Se 2020 foi um ano de reinvenção, 2021 tem sido um ano para se adaptar a um cenário em que estar em casa se tornou algo essencial. Segundo a arquiteta Cristina Campos, da Claassen Arquitetura e Construção, a busca por uma conexão maior com a natureza e por ambientes mais confortáveis e práticos se tornou indispensável e muito solicitado nos projetos de interiores.

"O projeto precisa ser desenvolvido para quem vai usá-lo. Precisa ser prático e imprimir personalidade, por isso o dia a dia e a essência do cliente influenciam e muito no desenvolvimento de um bom projeto", explica.

Atenta às mudanças que se apresentaram nos últimos anos, Cristina Campos analisa que o novo comportamento também deve influenciar nos projetos para as áreas sociais e de lazer das casas e afirma que os estilos industrial, minimalista e clássico têm se destacado, assim como o conceito de espaços abertos.

"Os ambientes integrados, para aproximar as pessoas, são o maior desejo de quem procura um projeto de interiores", comenta.

Em contrapartida, existe também a necessidade de criar áreas específicas dentro de casa como um escritório com móveis e iluminação adequados para estudo e trabalho, ou um lugar para meditar e relaxar. Para Cristina Campos, "esse é o desafio para os arquitetos, criar todos esses espaços funcionais dentro de uma planta completamente integrada e confortável".

Sobre os acabamentos, cores e texturas que estão em alta e prometem permanecer nos projetos, a arquiteta afirma que "tudo que remete à natureza tem se destacado e tende a permanecer".

Entre os acabamentos que estão compondo os projetos de interiores, Cristina Campos sugere os tons de terracota nas paredes e tecidos, marcenaria coloridas em tons mais fechados, como verde e azul, mobiliário com tramas de palha, linho, madeira, pedras rústicas e naturais, revestimentos com movimento e textura.

Para quem deseja um estilo atemporal para a decoração, a sugestão é investir em uma base neutra, cores mais claras, ou uma paleta de tons semelhantes para os móveis e paredes. De acordo com a arquiteta, isso possibilita renovar o ambiente sem grandes mudanças.

"Assim, conseguimos adicionar objetos de decoração diferentes e novidades do mercado dando uma renovada e uma nova cara ao ambiente, sem precisar mudar o espaço por completo", complementa.

Sobre as tendências para os projetos de interiores em 2022, a arquiteta e urbanista Cristina Campos diz que muitas coisas vão permanecer, como a proximidade com a natureza, os ambientes integrados e cores que levantem o astral.

"Uma boa ventilação e iluminação, são a chave para um projeto totalmente dentro da tendência! Painéis feitos com tela tensionada iluminada, madeiras com texturas, tecidos com tramas naturais, superfícies contínuas feitas com lastras minimizando rejuntes, tudo que traga um ar de natural, agradável e confortável", aponta.




Website: https://www.claassen.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp