01/11/2021 às 15h09min - Atualizada em 02/11/2021 às 22h50min

Jornalista Sérgio Xavier lança livro sobre ídolo do rugby brasileiro Diego Padilla

Segundo Sérgio Xavier, os valores elevados do rugby estão marcados na emocionante trajetória de Padilla

SALA DA NOTÍCIA Lívia Aragão
www.brasilrugby.com.br
Divulgação Editora Labrador
Depois de eternizar a data de aniversário de Diego Padilla, 20 de setembro, como o Dia do Rugbier, a Confederação Brasileira de Rugby (CBRu) reforça as homenagens da comunidade do rugby ao icônico jogador apoiando o livro “Don Diego”, publicado pela editora Labrador, escrito pelo jornalista Sérgio Xavier. O lançamento na cidade de São Paulo será na próxima quarta-feira (dia 3), das 18h às 21h, no Kia Ora Bar, rua Dr. Eduardo de Souza Aranha, 377, Itaim.
A publicação retrata a biografia de Diego Padilla, argentino radicado no Brasil, considerado um dos maiores jogadores da seleção brasileira de rugby. Falecido em novembro de 2019, aos 59 anos, Don Diego, como era chamado pelos parceiros de modalidade, deixou sua marca dentro e fora dos campos. Personificou exemplarmente os cinco principais valores cultivados pelo rugby em todo o mundo: disciplina, respeito, integridade, paixão e solidariedade.

O jornalista e comentarista esportivo Sergio Xavier entrevistou mais de 30 pessoas para contar a história deste argentino de alma brasileira. Em 17 capítulos, narra fatos interessantes e divertidos do grande atleta e ser humano, cuja trajetória se entrelaça com a do rugby no país.
“Achei que ia fazer um livro somente sobre um grande atleta, com dois planos em paralelo, o esportista e o cidadão. Daí se revelou uma história única e forte. Um homem que foi representante máximo do rugby e adaptou seus valores elevados em sua vida pessoal. Companheirismo, generosidade e abnegação foram características que saltaram dos depoimentos de amigos, colegas, familiares, fãs do esporte. Aprendi que a dinâmica do rugby exige essa abnegação. Quem não tem a bola precisa se doar para que seu colega de time possa avançar e pontuar. Diego é uma bela e prazerosa história para se contar!”, revela Sérgio Xavier.
“Diego Padilla foi uma das pessoas mais solidárias e íntegras do rugby brasileiro, levando os valores do nosso esporte por onde passou. Além de um jogador espetacular, foi treinador e auxiliou na construção do rugby fora do campo. Ele simboliza o melhor do rugbier e o que buscamos transmitir através do esporte”, comenta o presidente do Conselho de Administração da CBRu, Martin Jaco.
“Fui companheiro de clube do Diego por 12 anos. Ele foi um dos atletas mais completos com quem entrei em campo. Tanto física como tecnicamente o Diego se distinguia e em termos de espírito de equipe e companheirismo, certamente era único. Só tenho boas memórias dele e dos momentos em que compartilhamos o rugby”, relembra João Nogueira, superintendente técnico da CBRu.
Sobre Diego Padilla
Nascido em Buenos Aires, em uma família que emigrou para São Paulo no início da década de 70, Diego Hernán Padilla Victorica foi um apaixonado pelo rugby, atuando inicialmente pelo Colégio Rio Branco. O amor pela modalidade arrastou também os irmãos, que também passaram a competir. Após se naturalizar, recebeu a primeira convocação à seleção brasileira.
Diego era um fullback, descrito pelo seu contemporâneo Antônio Martoni como “um jogador brilhante, forte, inteligente, fullback ou centro com tackle demolidor, com visão de jogo, liderança, arrogante e folgado dentro de campo”. Atuou pela vitoriosa equipe do Alphaville e foi o segundo brasileiro a ser convocado para a seleção da América do Sul.
Jogou até o final dos anos 90, quando passou à função de treinador. Comandou os times Alphaville, SPAC e Poli Rugby. Por um período, foi treinador da seleção brasileira masculina.
 
Serviço
Evento: Lançamento do livro Don Diego
Dia: 03/11/21 (quarta-feira)
Horário: das 18 às 21h
Local: Kia Ora Bar
Endereço: Rua Dr. Eduardo de Souza Aranha, 377, Itaim, cidade de São Paulo
Autor: Sérgio Xavier
Páginas: 208
Preço: R$ 49,90
Editora: Labrador


Sobre a Confederação Brasileira de Rugby (CBRu)
A Confederação Brasileira de Rugby (CBRu) tem o apoio do Comitê Olímpico do Brasil e do Ministério da Cidadania – Secretaria Especial do Esporte, patrocínio máster do Bradesco e, como patrocinadores principais, TIM, Estácio e KickBall. Conta ainda com O Boticário, Deloitte, Alupar, Body Nutry, Livelo e Cultura Inglesa como patrocinadores oficiais. Também são fornecedores e apoiadores do rugby brasileiro: Grupo Évora S.A, Gilbert, Travel Ace, Atacadista Roldão, Pinheiro Neto Advogados, CVC Capital Partners, Fortify, Universal Assistance e Testfy. A franquia Cobras Brasil XV, marca criada e gerenciada pela CBRu para a disputa da Superliga Americana de Rugby, também é apoiada pela Sanrad.
www.brasilrugby.com.br / @BrasilRugby / @cobrasbrasilxv (Instagram, Facebook, Twitter, LinkedIn e You Tube)

Sobre a modalidade
O rugby é um dos esportes coletivos mais praticados no mundo, com 9,6 milhões de jogadores globalmente (número da World Rugby) e presente em mais de 120 países. No Brasil, são mais de 36,8 milhões de pessoas interessadas pelo esporte, das quais cerca de 5 milhões se consideram fãs, de acordo com pesquisa Ibope Repucom 2019. São mais de 300 agremiações esportivas e 60 mil atletas e praticantes no País, números que, somados à volta da modalidade ao programa olímpico nos Jogos do Rio 2016, fizeram a World Rugby (a federação internacional de rugby) eleger o Brasil como prioridade estratégica de investimento.

Editora Labrador
Rua Dr. José Elias, 520 – Alto da Lapa. São Paulo – SP. CEP: 05083-030
marketing@editoralabrador.com.br / 11 3641-7446 / www.editoralabrador.com.br
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp