08/02/2021 às 11h08min - Atualizada em 08/02/2021 às 11h08min

Victor Colonese é bronze nos jogos Pan-Americanos

Washington Reis
O atleta Victor Colonese recebeu, na tarde desta sexta-feira (29), em Santos, a medalha de bronze dos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019, nos 10km das maratonas aquáticas. A entrega ocorreu no consistório da Unisanta, instituição que ele representa há 11 anos.
“Essa medalha é muito importante para que a gente continue motivado, lembrando que todo trabalho é reconhecido e para continuar seguindo com foco”, disse o atleta, que subiu ao pódio para receber a peça entregue pelo diretor geral do Comitê Olímpico Brasileiro, Rogério Sampaio e pelo secretário municipal de Esportes, Gelásio Fernandes.
O atleta herdou o bronze no Pan de Lima 2019 após o argentino Guillermo Bertola, então segundo colocado, ser desclassificado por infração nas normas de controle antidopagem da Federação Internacional de Natação (Fina). Com isso, o nadador baiano de 29 anos, que havia terminado em quarto lugar na competição, com o tempo de 1:54.03.6, ganhou uma posição na classificação final.
A decisão da realocação da medalha foi confirmada no dia 1° de julho de 2020, após o Comitê Olímpico do Brasil (COB) receber um comunicado oficial da Panam Sports, entidade máxima do esporte no continente, anunciando que a suspensão de Bertola pela Fina implicava a anulação de seus resultados nas temporadas 2018 e 2019.

“Essa medalha vem agraciar o trabalho do Victor e essa parceria que temos com a Santa Cecília é uma resposta a todo o esforço envolvendo a universidade e a Secretaria de Esportes, que sempre apoiaram a modalidade”, ressaltou o secretário Gelásio.

A cerimônia contou com a presença do pró-reitor administrativo da Unisanta, Marcelo Teixeira, o representante da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos, Luiz Fernando Coelho e autoridades do Exército.
Com mais essa conquista, o Brasil passa a ter 169 medalhas na classificação final de Lima 2019: 54 ouros, 45 pratas e 70 bronzes. Foram três pódios nas maratonas aquáticas: além do bronze de Colonese, Ana Marcela Cunha foi campeã da prova feminina e Viviane Jungblut, terceira colocada.

TRAJETÓRIA - Além de conquistar a medalha de bronze no Campeonato Pan-Americano de Lima, no Peru (2019), Colonese sagrou-se campeão Brasileiro de Maratonas Aquáticas (5km e 10km), em 2018 e 2015. Ganhou três medalhas no Sul-Americano do Peru, sendo ouro por equipes e duas pratas (5 e 10km), em 2018. Disputou quatro campeonatos mundiais de Desportos Aquáticos da Fina (2011, 2015, 2017 e 2019) e participou de três mundiais universitários (2011, 2013 e 2017). Como 3º sargento do Exército Brasileiro, obteve a 5ª colocação nos Jogos Mundiais Militares (10km), em Wuhan, China, em 2019.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp