14/10/2022 às 15h30min - Atualizada em 16/10/2022 às 00h01min

Técnicas para flacidez de pele ajudam a busca por autoestima

Estudos mostram disparidade sobre autoestima entre homens e mulheres; médico explica como funcionam os principais procedimentos cirúrgicos para tratamentos de flacidez de pele

DINO
https://www.nucleodome.com.br/


Homens e mulheres têm percepções diferentes de si mesmos quando o assunto é autoestima. Segundo uma pesquisa realizada pelo Instituto Ideia com 663 voluntários, somente 3% dos homens brasileiros se consideram feios e 47% afirmaram que se acham bonitos. Paralelamente, 20% das mulheres não gostam do que veem no espelho e sofrem com baixa autoestima, como revelou um estudo do Instituto Kantar, do Ibope.

Um levantamento da SBCP (Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica) revela que, entre as queixas mais comuns de indivíduos que buscam procedimentos estéticos, foi citado o incômodo com a saúde e aparência da pele, como rugas em diversas partes do rosto e do corpo, como na região dos olhos e da boca, pescoço, joelho, colo e “papada”. De acordo com a entidade, a busca pelos procedimentos aumentou 390% desde 2016.

Segundo o Dr. Paulo Henrique Laia, médico e empresário à frente da DOME Núcleo Avançado - clínica com sede em Belo Horizonte (MG), que atua com cirurgia plástica, cosmiatria, dermatologia e áreas complementares da medicina -, a busca por autoestima impulsiona diversos nichos da estética, como a busca por tratamentos de flacidez de pele. 

“Com o crescimento na busca por uma aparência mais jovem, além de uma vida com saúde e bem-estar, surgiram diversos tratamentos para flacidez de pele no mercado brasileiro - tecnologias que potencializam os resultados dos pacientes”, afirma.

Brasil “importa” técnica para flacidez de pele

Laia destaca que, atualmente, muitas pacientes tratam a flacidez de pele, principalmente abdominal, através da abdominoplastia. Entretanto, com a chegada da técnica Bodytite, é possível evitar a temida cicatriz da abdominoplastia, realizando um procedimento que necessita de uma cicatriz muito menor - pela incisão da lipoaspiração”, afirma.

Ele conta que o tratamento é utilizado por celebridades como Kim Kardashian e Luciana Gimenez. “A proposta é atuar na retração de pele. Por meio da técnica, é possível alcançar resultados com até 47% de retração, evitando, em alguns casos, a cicatriz de cirurgias que tratam a flacidez, como a abdominoplastia”.

De acordo com o médico e empresário à frente da DOME Núcleo Avançado, diante da popularidade da técnica, muitos se perguntam quando uma pessoa deve procurar por um tratamento do gênero, assim como quais são os casos mais comuns de procura.

“A técnica Bodytite pode ser utilizada desde os pequenos níveis de flacidez aos maiores. O procedimento pode ser empregado de forma isolada, em flacidez de grau leve, ou associada a cirurgia plástica tradicional, em casos de flacidez moderada a alta”, explica.

Quando questionado a respeito da evolução das técnicas de tratamento para flacidez de pele no Brasil nos últimos anos, Laia acredita que houve morosidade para surgir no mercado brasileiro um aparelho que atendesse às exigências dos cirurgiões e pacientes.

“Sendo assim, foi necessário buscar por alternativas fora do país para trazer ainda mais tecnologia e inovação aos pacientes”, finaliza.

Para mais informações, basta acessar: https://www.nucleodome.com.br/



Website: https://www.nucleodome.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp